Setor 8 – Taquaril

O Setor 8 está todo compreendido na região do Taquaril, englobando principalmente as Jacubas.

36. Jacuba Menor (1.380 m)

Jacuba Menor Também conhecida como Pedra do Elefante, surpreende por sua grandiosidade. Com cerca de 500 metros de altura e milhares de boulders em sua base, incluindo um bloco de aproximadamente 8 metros de altura que oferece high balls negativos e técnicos, e vias esportivas curtas, a montanha ainda oferece fendas sólidas, paredes imensas, aderências, agarras, costões, negativos, positivos e uma linda caminhada ao cume. Deve-se ter cuidado, no entanto, com eventuais pedras soltas, gaviões, andorinhas, cobras, quatis e ainda, diz a lenda, até uma jaguatirica! O local também é eventualmente assolado por grandes temporais, típicos da região. Atualmente, estão abertos um setor de falésias com 14 vias, do 6º ao 9º graus, entre fixas e móveis, vias de parede de 2 a 13 enfiadas, e, por enquanto, alguns boulders. As trilhas para a base recebem manutenção periódica e são acessadas pelo sítio Abrigo do Elefante, que fica no Km 2 da Estrada do Taquaril, a mais ou menos 16 quilômetros de Itaipava, em Petrópolis. Deve-se, inclusive, estar atento para o cuidado com as áreas da base da montanha, pois são TODAS PARTICULARES, CONTENDO NASCENTES, e seus donos são rigorosos na sua conservação. 

Localização: Taquaril / Posse

Como chegar: a montanha fica a, aproximadamente, 1h20 min da cidade do Rio, e 50 min de Juiz de Fora, de carro. De ônibus, pegar a linha Rio-Petrópolis e, depois, Petrópolis-Posse, Petrópolis-Areal ou Petrópolis-São José, devendo-se saltar na entrada do Taquaril (Cachoeira Bar) e subir 2 Km a pé até o Abrigo. No sentido MG-RJ, pega-se o ônibus Juiz de Fora-Petrópolis, saltando-se na cidade de Areal, e depois o Areal-Itaipava (via União e Indústria), saltando-se na entrada de Taquaril (Cachoeira Bar) e subindo-se 2 Km a pé até o Abrigo – número 2113.

Setores

A. Laje
B. Setor da Esquerda
C. Setor da Grotinha
D. Setor do Teto
E. Setor do Grotão
F. Setor Branca
Pic-Nic

AMARELO ::

1. Ni’um homizin (3º VI D3 E3)

A via possui 9 enfiadas, variando do II ao VI graus, com muitos IIIs e alguns IVs, um lance de V e um crux de VI para chegar no colo da montanha, de onde se acessa o cume caminhando. A via possui 32 grampos e pede proteções móveis na 1ª enfiada.

21/04/2007 – Ana Alvarenga, Helena Fagundes, Mariana Pardal, Natália Caldas, Patrícia Duffles

2. Pata de Camelo (5ºsup VIIa D3 E4 – variante da via “Dumbo na Festa do Céu”)

Variante com 6 enfiadas. A “Pata de Camelo” começa com uma horizontal (mesmo!) de 30sup (35 metros) para a esquerda, que sai do 10º grampo da “Dumbo…”, e é protegida com móveis precários; a segunda enfiada tem 45 m e passa por um diedro de 5º grau protegido por móveis (que não são lá grande coisa); a terceira, é uma agarrência de 5ºsup (45 m) protegida por apenas um grampo; a quarta (30 m) deu origem ao nome da via e é o grande charme dela, uma chaminé ultra-mega estreita, com um grampo no meio, e protegida com camalot 5 e big bro 4, conquistada 98% em livre, e cotada em 7º grau; na quinta enfiada (60 m toda em agarrência), protege-se numa laca esquisita 3 metros acima da parada da anterior, d´onde se faz o crux de 5ºsup para a direita, até um veio de 4º que depois vai para a esquerda até uma chapeleta (parafuso de ¼ sem expansão, ou seja, não fazer parada nem rapelar), depois mais 20 m até a parada (apesar de a enfiada ser fácil, prestar atenção na sua linha sinuosa); finalmente, a 6ª enfiada é uma horizontal (mesmo!) de 3ºsup (30 m) para a direita, indo de encontro ao final da 7ª enfiada da “Dumbo…”, sem proteção. 
 
24/09/2007 – Ana Alvarenga, Anderson “Preguiça” e Ralf Côrtes.

3. Dumbo na Festa do Céu (5º VIIb D3 E3)

9 enfiadas (ou 10 com 2 curtas). Agarrência constante com lances verticais na última enfiada. Necessário corda de 60m para rapelar (é possível descer caminhando,  mas a trilha não é usada). A base da via fica a 30 minutos do Abrigo do Elefante.

27/07/2006

4. Vidas Secas (3ºsup IVsup D3 E4)

Via de agarrência, com agarras maiores em seu final. Possui 7 enfiadas, sendo 2 curtas, emendando na 8ª enfiada da “Dumbo”. As paradas da via são feitas em árvores, sendo necessário corda de 60m para rapelar. O rappel da última enfiada vai em direção a um platô de mato, onde se deve escalar a horizontal de 2ºsup de volta para continuar o rapel, não havendo nenhuma proteção no platô. A base da via fica a 30 minutos do Abrigo do Elefante.

5. Meleca do Elefante (3º IIIsup D1 E2)
90 m

Via de agarrência. Necessária corda de 60m para rappel pela própria via. A base da via fica a 15 minutos do Abrigo do Elefante.

6. Pai João (6º VIsup D4 E5)

Via de agarrência, com 13 enfiadas muitas expostas! A partir da 8ª enfiada não é possível rapelar (paradas em parafusos e móveis – friends médios a grandes repetidos, e stoppers pequenos para utilização nos parafusos). Necessário corda de 60m. Trata-se da 1ª via concluída em toda a face norte. Está liberado, pelos conquistadores, colocar grampos de 1/2 somente no lugar dos parafusos. A base fica a 30 min do Abrigo do Elefante.

7. Sarah Brum (5º VI D3 E4)
300 m

Via de agarrência, com 9 enfiadas, finalizando numa agulha que se destaca da montanha. São necessários corda de 60m (rapel pela própria via), 6 costuras, fitas variadas, friend 1 ou micro-friends. A base fica a 30 min do abrigo.Ao final da via existe uma proteção móvel “fictícia”, e por isso considera a via exposta. Afirma, no entanto, que a linha é bastante óbvia, com grampos sempre visíveis, e que, no final, há um “trepa-mato”para se chegar na agulha. Aguardamos a confirmação de alguns dados pelos conquistadores.

:: BRANCO ::
1. Projeto Sem Nome
2. Projeto Via do Grotão
3. Projeto Raja (com 6 enfiadas conquistadas, iniciado por Márcio “Buzina”, Ralf Côrtes e Flávio Daflon)
4. Projeto Saracura

Anúncios

Responses

  1. Vou visitar Petrópolis sozinho e gostaria de saber como posso contratar um guia para uma escalada de III ou IV grau. Possuo equipamento básico.
    Caso possuam esta informação, favor enviar-me contato. Agradeço imensamente. Parabéns pelo guia!

  2. Oiii, muito maneiro o site!!
    Só umas atualizações aqui na Pedra do Elefante:
    Lá no textinho inicial, existem 3 setores de falésias totalizando cerca de 20 vias; vias de parede de 2 a 15 enfiadas; e em torno de 150 lances em blocos. A Ni`um Homizin ta cotada em 3o V D3 E3 (os dois cruxes são de 5o grau). Raja não é mais projeto e sim uma via de 15 enfiadas (ta descrita na novidade 15 do nosso site). Aliás, se quiserem divulgar o http://www.abrigodoelefante.com
    Eu vo atualizar essas coisas no site, daí vcs podem pegar a imagem das vias atualizada.

    Abraços, Ana.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: